Melhorando a performance do WordPress

Melhorando a performance do WordPress

0 Flares 0 Flares ×

O desempenho é um dos fatores importantes de um site bem sucedido. Nesse artigo você verá algumas dicas úteis, que podem ser usadas ​​para acelerar o WordPress e melhorar sua performance.

1 – Cache

Atualmente é quase que indispensável cache para um blog em WordPress.  Os recursos que o cache possibilita são vários: velocidade e melhor navegabilidade no seu blog, uma melhor experiência de agilidade pro leitor, diminuição de uso do hardware do servidor e a probabilidade do blog sofrer overload (sobrecarga) diminui. Como resultado disso você vai economizar na escolha do seu plano, desta forma seu blog poderá  passa um tempo maior em um servidor compartilhado até o momento em que precisar de uma VPS (Virtual Private Server ).

Recomendamos a instalação dos seguintes plugins de cache:

2 – Otimize o MySQL

Você poderá otimizar o MYSQL do seu WordPress de duas maneiras, a primeira é instalando e utilizando o plugin WP-DBManager.
Após instalar o plugin WP-DBManager vá no menu Database, selecione Repair DB e clique em reparar, selecione a opção Optimize DB e clique em otimizar.

A outra maneira é fazendo a otimização manualmente via phpMyAdmin.
No phpMyAdmin da sua hospedagem selecione o banco de dados do seu blog, em seguida na parte inferior, clique em “Check All” para selecionar todas as tabelas e em seguida, clique em “Optimize Table”.

Captura de Tela 2013-05-27 às 15.09.22

3 – Domando o WPCron

Sempre que alguém visita o seu site, o wp-cron.php será executado e isso acarretará em um uso desordenado e muitas vezes desnecessário causando mais processamento e uso de recursos no servidor e trazendo também lentidão ao site.

Deixá-lo habilitado da forma padrão só irá elevar o load do servidor  então o Cron só precisa ser executado quando você fizer alguma atualizações em seu WordPress, desabilitar o seu comportamento natural para ser executado a cada vez que um visitante acessar o seu site pode ser útil para reduzir o consumo de recursos do servidor.

Como desabilitar o wp-cron e rodar apenas como cronjob?

  1. Abra o arquivo wp-config.php
  2. Adicione a seguinte linha de código ao arquivo:
define('DISABLE_WP_CRON', 'true');

Agora em seu Cpanel crie uma tarefa cron para rodar o wp-cron:

  1. Efetue login no cPanel
  2. Clique no ícone “Cron Job”
  3. Clique em “Add New Cron Job”
  4. Clique no menu dropdown na opção “Hora:” defina como “A cada 6 horas (*/6)”
  5. Vá para o campo de comando e digite o seguinte comando:
/usr/bin/php -f /home/USERNAME/public_html/wp-cron.php >/dev/null

Altere USERNAME pelo seu usuário do cpanel e o caminho se for necessário, por exemplo se o blog/site estiver instalado em outro diretório como /site ou /blog.

4 – Otimizando  wp-config.php

Desabilite a revisão de artigos

define('WP_POST_REVISIONS', false);

Configurar tempo dos salvamentos automáticos

define('AUTOSAVE_INTERVAL', 600); // Valor em segundos

Desabilite o WP_DEBUG

define('WP_DEBUG', false);

5 – Diminua o número de consultas ao banco de dados

Ao invés de usar as template tags para requisitar chamadas no banco de dados, substitua-as por caminhos absolutos/estáticos.
No arquivo header.php do seu tema você verá varias tags que farão consultas ao banco de dados, como por exemplo o código abaixo:

<html xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml" <?php language_attributes(); ?>>
<head profile="http://gmpg.org/xfn/11">
<meta http-equiv="Content-Type" content="
<?php bloginfo('html_type'); ?>;
charset=<?php bloginfo('charset'); ?>" />

O código acima está fazendo várias consultas ao banco de dados que poderiam simplesmente ser colocadas em forma de texto. Tal como no exemplo abaixo:

<html xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml" dir="ltr">
<head profile="http://gmpg.org/xfn/11">
<meta http-equiv="Content-Type" content="text/html; charset=UTF-8" />

Abaixo algumas tags que você poderá substituí-las:

bloginfo('atom_url') // http://seudominio.com/feed
bloginfo('charset') // Charset utilizado(UTF-8, ISO-8859-1 ...)
bloginfo('html_type') // text/html
bloginfo('name') // Nome do Blog
bloginfo('pingback_url') // http://seudominio.com/xmlrpc.php
bloginfo('rss2_url') // http://seudominio.com/feed
bloginfo('stylesheet_url') // http://seudominio.com/wp-content/themes/tema/style.css
bloginfo('template_url') // http://seudominio.com/wp-content/themes/tema
bloginfo('url') // http://seudominio.com
wp_title() // Título do blog

Conclusão
Como essas dicas você aumenta a performance do seu site e evita problemas de indisponibilidade do seu blog/site devido ao uso excessivo dos recursos do seu plano de hospedagem.

Referencias
Guia de Otimização WordPress
WordPress Optimization/WordPress Performance

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Comments are closed.